Projeto Cinema Mundo realiza exibição comentada do filme “Berberian Sound Studio”

06/05/2017 17:41

 

Na próxima quinta-feira, dia 11 de maio, o Projeto Cinema Mundo/UFSC dá continuidade ao tema “Expressões do Horror”, apresentando o filme Berberian Sound Studio (2012, Reino Unido), escrito e dirigido por Peter Strickland.

A sessão, de entrada franca, acontece às 18h30 no Auditório Elke Hering da Biblioteca Universitária da UFSC e conta com os comentários de Felipe Martinez e Yves Seraphim.

Sinopse:
O trabalho de um engenheiro de som para um estúdio de terror italiano se torna um caso terrível de vida imitando arte.

Sobre os comentaristas:

Felipe Maciel Martinez:
Graduando em Ciências Econômicas na Universidade Federal de Santa Catarina onde coordena, junto ao Instituto de Estudos Latino-Americanos (IELA), o Circuito de Cinema Latino-Americano e caribenho (CIRCULA).  É músico e já participou de alguns trabalhos de gravação e produção musical.

Yves Marcel Seraphim:
Graduando em Antropologia pela UFSC e tentativa de músico nas horas vagas. Interessado nas intersecções entre antropologia e cinema.

Projeto Cinema Mundo realiza sessão especial comentada de “Estive em Lisboa e lembrei de você”

06/05/2017 16:50

 

O Núcleo Literatual em parceria com o Projeto Cinema Mundo realiza no dia 5 de maio, sexta-feira, às 18h30, a exibição comentada de “Estive em Lisboa e lembrei de você” (2015), filme dirigido por José Barahona e adaptado da obra homônima de Luiz Ruffato. A exibição acontece no Auditório Elke Hering da Biblioteca Universitária da UFSC, com entrada franca. A ação propõe um debate acerca dos poderes e das interfaces do Cinema e da Literatura Contemporânea. O filme teve estreia nacional em 1 de dezembro de 2016, mas não chegou aos cinemas de Santa Catarina, de modo que esta é a primeira exibição realizada em território catarinense.

 A sessão será comentada por: Leomaris Espindola Aires e Jair Zandoná.

Leomaris Espindola Aires é licenciada em Letras Língua francesa e Literaturas pela Universidade Federal de Santa Catarina e mestre em Estudos da Tradução (PGET/UFSC). Professora de Língua francesa e Literaturas, desenvolve estudos na área de Letras, com ênfase em Literatura, Cinema, Adaptação cinematográfica e Identidade. Atualmente é bolsista de doutorado sanduíche no exterior (PDSE) em Portugal, na Universidade do Minho, onde pesquisa a obra literária “Estive em Lisboa e lembrei de você” de Luiz Ruffato e a adaptação cinematográfica homônima de José Barahona.

Jair Zandoná é doutor (2013) e mestre (2008) em Literatura pela Universidade Federal de Santa Catarina. Graduado em Letras Português Habilitação em Língua Espanhola e Respectivas Literaturas pela Universidade do Oeste de Santa Catarina (2003). É um dos editores da Revista Anuário de Literatura (PPGL/UFSC), editor de resenhas da Revista Estudos Feministas (REF), integra o quadro de pesquisadores/as associados/as do Instituto de Estudos de Gênero (IEG/UFSC) e do Núcleo de Literatura Brasileira Atual – Estudos Feministas e Pós-Coloniais de Narrativas da Contemporaneidade (LITERATUAL/UFSC). Atualmente, realiza estágio de pós-doutorado no PPGLit/UFSC, com bolsa de CNPq.

Projeto Cinema Mundo realiza exibição comentada do filme “Sob a sombra”

19/04/2017 17:58

Convite Cinema Mundo 01

 

 

Na quinta-feira, dia 27 de abril, o Projeto Cinema Mundo/UFSC dá continuidade ao tema “Expressões do Horror”, apresentando a co-produção do Quatar, Jornânia e Reino Unido, Sob a Sombra (2016), escrito e dirigido pelo estreante Babak Anvari.

A sessão, de entrada franca, acontece às 18h30 no Auditório Elke Hering da Biblioteca Universitária da UFSC e conta com os comentários de Marcia Mendonça e Iur Gomez.

Sinopse:
Teerã, 1988. Shideh e sua família vivem no meio do caos da guerra entre Iraque-Iran. Acusada de subversiva pelo governo e boicotada da faculdade de medicina ela vê sua liberdade cada vez menor. Com os frequentes ataques seu marido é enviado para servir nas zonas de guerra deixando Shideh e sua filha Dorsa na cidade. Quando Dorsa começa a ser atormentada por uma estranha figura a pouca sanidade que resta à família é posta à prova.

Sobre os comentaristas:

Marcia Mendonça:
Mestranda em Literatura pela UFSC e graduada em Letras pela mesma instituição. Sua atuação tem ênfase em Teoria Literária, principalmente nos seguintes temas:Teoria da Modernidade, Poesia, Literatura Brasileira e Literatura Portuguesa.

Iur Gomez:
Roteirista e documentarista assina dois médias “Paulo Companheiro João” e “Dyckias – tempos de extinção”, ambos prêmios DocTV e dois curtas na área de montagem: “S. Gentil” (documentário) e “Da arte de matar porcos” (ficção). Foi presidente da Cinemateca Catarinense e do Funcine.

Lançamento do segundo e-book

07/04/2017 21:48

lançamento ebook

O projeto Cinema Mundo lança oficialmente no próximo dia 13 de abril o segundo volume da coleção Cadernos de Crítica, série dedicada à discussão de obras cinematográficas.

Composto por um conjunto de cinco textos, a coletânea Cinema de culto discute certa fruição religiosa na apreciação de filmes como El TopoDonnie DarkoLaranja MecânicaViolência Gratuita e Akira. O prefácio é assinado pelo professor e realizador Alexandre Linck Vargas e o livro tem organização de Leonardo Ripoll e Marcio Markendorf.

Em formato e-book e inteiramente gratuita, a publicação tem o intuito de socializar conhecimentos produzidos na ação extensionista. O intuito é afirmar o comprometimento da atividade com as facetas da pesquisa e do ensino, bem como estreitar laços entre  universidade e comunidade externa.

O quê: Lançamento do e-book Cinema de culto
Quando: 13 de abril de 2017, às 18h00
Onde: Auditório Elke Hering, Biblioteca Universitária, UFSC
Quanto: gratuito

 

Projeto Cinema Mundo realiza exibição comentada do filme “Trabalhar cansa”

06/04/2017 21:53

Web Convite 3 - Trabalhar Cansa-01-01

 

Na próxima quinta-feira, dia 13 de abril, o Projeto Cinema Mundo/UFSC dá continuidade ao tema “expressões do horror”, apresentando o filme “Trabalhar cansa” (2011, Brasil), escrito e dirigido pela dupla Marco Dutra e Juliana Rojas.

A sessão, de entrada franca, acontece às 18h30 no Auditório Elke Hering da Biblioteca Universitária da UFSC. E conta com os comentários de Marta Machado e Gabriel Daros.

Sobre o filme:
Helena(Helena Albergaria) é uma dona de casa que abre um mercado para ajudar a família. Ela então contrata Paula (Naloana Lima) para cuidar da filha. Tudo vai bem até que Otávio (Marat Descartes) é demitido. A partir daí a relação entre os três começa a se deteriorar, enquanto o mercado de Helena é palco para estranhos acontecimentos.

Sobre os comentaristas:

Marta Machado:

Professora do curso de Cinema da UFSC, é formada em Jornalismo pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e doutoranda em Administração pela Fundação Getúlio Vargas. Tem experiência na área de Produção Executiva, Animação e Indústria Criativa.

Gabriel Daros:
Graduando em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), ex-graduando em Design Gráfico pela Faculdade SATC. Estuda narrativas experimentais de jornalismo e intersecções com a literatura ficcional. Selecionado no I Prêmio IFSC de Literatura e na 10ª Bienal da UNE na categoria Literatura.